Peregrino Walter Jorge

Convide a um amigo a visitar este site
 
 
O Santo Graal - XLIV - Aberystwth
Walter Jorge

            Um outro local também citado pelos escritores e historiadores, é a pequena cidade de Aberystwyth, na costa da Inglaterra,

            Vejamos a sua história.

            ABERYSTWYTH é uma cidade costeira um pouco decadente, situada na confluência dos rios Ystwyth e Rheidol, no oeste do País de Gales no condado de Dyfed na Inglaterra, a cidade possui aproximadamente 12.000 habitantes, sendo que praticamente 7.000 são estudantes universitários devido à existência de uma magnífica Universidade.

            A cidade é bastante antiga e por volta de 1109 foi construída uma fortaleza normanda que deu origem à cidade, Llandabarn Gaerog foi o seu primeiro nome. Em 1277 Eduardo I da Inglaterra, reconstruiu o castelo depois do mesmo ter sido destruído pelos Gauleses. Entre os anos de 1404 e 1408, o castelo esteve nas mãos de Owain Glyndwr, que finalmente veio a se reder ao príncipe Harry.

            Lá se encontra localizada a “Taça de Nanteos”. Segundo a lenda, ela foi trazida por José de Arimatéia e realizou muitos milagres. A relíquia estava com uma família local até os anos 50, mas hoje seu paradeiro é incerto.

Vista do Castelo de Aberystwyth

            Diz-se que havia uma comunidade em Gales que guardava uma “xícara” ou “cálice” de terracota que estava dentro de um outro cálice confeccionado em ouro. O mesmo era capaz de realizar curas e era uma ferramenta poderosa para o bem nas mãos de pessoas direitas; ou seja, era um objeto que poderia ser utilizado para o bem desde que fosse manuseado por iniciados do lado claro da força.

            Em 1880 um grupo de indivíduos possuía a intenção declarada de estudar o esoterismo como a Kabalah e adivinhações Tarô. Na realidade sua intenção era achar e destruir o Santo Graal.

            Durante dez anos, o Graal foi removido e escondido e achava-se finalmente em um lugar seguro. Porém, um dos guardiões traiu os outros e o Graal foi levado.  Uma massa preta foi colocada em cima do Graal que destruiu o seu poder e então foi feito em pedaços e os pedaços difundidos.

Outra vista do castelo de Aberystwyth

            A maioria das lendas sobre o Graal tem muitos detalhes inconseqüentes somados para dar uma falsa autenticidade. Nomes, datas, lugares e até mesmo figuras históricas nas lendas são difundidas. Isto não é verdade neste caso, o que faz a referida lenda ser bastante interessante por causa disto.

            Saindo da Inglaterra vamos agora para a Ásia, precisamente para Cachemira. Também iremos tomar contato com o famoso reino de Prestes João.

            Aguardem.
 

Enviado por Walter Jorge
 
Parte integrante do site Caminho de Santiago de Compostela - O Portal Peregrino
Copyright  1996-2003