Peregrino Walter Jorge

Convide a um amigo a visitar este site
 
 
Comentários Peregrinos - Caminho Aéreo
Anacleto (o nordestino)

            Notícias são notícias e se não fossem notícias ninguém tomaria conhecimento. Volta e meia (vejam que é mais de uma volta) lemos notícias sobre o Caminho de Peregrinação a Santiago de Compostela e a última é uma notícia espetacular, ou seja poderemos informar que o progresso está chegando ao Caminho.

            Em PINO (até parece que o sol está no máximo e eu nessa geladeira do sul do Brasil) teremos uma grande novidade, o caminho aquele que os peregrinos estão acostumados a transitarem quer seja por estradas encascalhadas, quer sejam por estradas asfaltadas competindo com os carros e aquelas carretas gigantescas, ou ainda passando pelas ruas (calles) das cidades onde temos de usar de toda uma tecnologia avançada para descobrir onde estão localizadas as setas amarelas, pois, temos as situadas nos postes, outras nas esquinas das ruas, algumas são encontradas pintadas na parte lateral dos meios fios (calçadas para quem não conhece o meio fio – metade de um fio) e outras que desapareceram com o tempo ou foram mudadas para passarem frente da “tienda” de don Walter Jorge. Existe até determinados peregrinos que adotam o máximo da tecnologia contemporânea, encontram-se palmilhando o mesmo orientado por um pequeno aparelho que chamam de GPS (é o máximo).

Vista do projeto por onde passara o Caminho sobre uma passarela

            Que saudades tenho daquele nosso pároco do Cebreiro – Padre Elias Valiña Sampedro – que saia com uma lata de tinta, presente dos operários que pintavam as faixas nas estradas (carreteiras) e procurava sinalizar o caminho o mais possível dentro do original, pois não sabemos se é realmente aquele o caminho chamado de “Caminho Francês” que de Francês não tem nada.

            Mas voltando a notícia, ficamos sabendo que agora irá existir mais uma modalidade do caminho, ou seja, o “Caminho aéreo”, não fiquem pensando que é de avião ou de qualquer outro meio voador, é um caminho suspenso (que saudades tenho daqueles jardins suspensos da Babilônia) sobre palafitas, ou seja, um caminho parecido com as nossas passarelas para serem utilizadas na transposição das estradas e das vias com alto volume de transito, não  estamos brincando, é a pura realidade, é uma notícia real e verídica, saiu no “El Correo Gallego”, vejamos o que ela diz:

            “Por ello se tuvieron que realizar una serie de modificaciones. Entre ellas destaca la construcción de uma pasarela, diseñada em madera que contará com uma altura de cinco metros. Los peregrinos podran cruzar por ella preservando por completo su seguridad. Además también se dotará al parque empresarial com um paso a nível regulado por semáforo”.

            Beleza, beleza pura, algum dia irão noticiar que um grupo empresarial conquistou em concorrência pública, a construção de um AUTO-CAMINHO que permitira ao peregrino saindo de Roncesvalles chegar a Santiago de Compostela, sem nenhum contratempo, apenas pagando uma módica taxa de pedágio. O AUTO-CAMINHO terá diversas saídas programadas que será motivo de acertos futuros com os albergues, tiendas e cidades interessadas em possuir um daqueles pedágio de saída. 
 

Enviado por Walter Jorge
 
Parte integrante do site Caminho de Santiago de Compostela - O Portal Peregrino
Copyright  1996-2003