Lendas e Curiosidades

Convide a um amigo a visitar este site
 
 
FUENTE DE LA RENIEGA
Antes de chegar-se ao alto do Perdão, à esquerda do caminho, em uma nova fonte construída, recorda-se à antiga “Fuente de la Reniega” cuja lenda é tradicionalmente transmitida de geração em geração. Diz à lenda que um peregrino havia partido de Toulose na França e se esforçava para chegar ao topo do monte Reniega. O sol causticante do mês de agosto caia implacável sobre o seu corpo. A sede que tinha era quase insuportável, tinha momentos em que perdia a consciência e caia ao chão. Ao levantar-se, lamentava a sua imprudência em não levar água consigo, quando estava a pensar, acercou-se dele um jovem muito bem apessoado que lhe perguntou:

- Irmão, pelo seu rosto e pelo seu corpo cansado acredito que queres beber água?

O peregrino respondeu:

- Sim por favor, dai-me água de beber, pois a sede esta insuportável.

- Te darei água e comida durante toda a sua vida se negares a existência de Deus. Nunca voltaras a passar nem sede e nem fome – falou o jovem.

- Negar a Deus? Isso jamais, saia do meu caminho – falou indignado o peregrino.

- Esta bem – falou o jovem – é só negar a existência da Virgem Maria e concederei água e comida.

O peregrino realizando um grande esforço, pois a sede impedia-o de falar com clareza, contestou:

- Afasta-te, demônio do meu caminho.

Pela terceira vez, o jovem que certamente era o demônio insistiu:

- Nega o Apóstolo Santiago e eu concederei o teu desejo.

Desesperado, o peregrino já não mais estava contestando, começou a orar em voz alta suplicando a Santiago que intercedesse por ele. Enquanto recitava sua oração, o peregrino viu como que uma nuvem sulfurosa a aparecer envolvendo o demônio que desapareceu. Logo atrás da mesma, apareceu uma fonte de água fresquíssima e transparente e ao seu lado o próprio Apóstolo Tiago, em forma de peregrino, que lhe mostra a fonte e lhe dar de beber em sua Vieira.

Desde então, a fonte continuou a jorrar aquela água cristalina e fresca, para consolo de todos os peregrinos que, com os seus passos muitas vezes trôpegos, conseguiram atingir aquele local no “Alto do Perdón”. O diabo nada conseguindo daquele peregrino, teve de buscar outros lugares para tentar àqueles que se dirigiam a Santiago de Compostela.

A lenda complementa informando: todo aquele que daquela fonte beber, terá a virtude de conservar os ânimos e saberá vencer a tentação de abandonar a missão que se propôs, ao empreender a sua peregrinação ao túmulo do Apóstolo Tiago.
 

 
Parte integrante do site Caminho de Santiago de Compostela - O Portal Peregrino
Copyright  1996-2003