Relatos Peregrinos

Convide a um amigo a visitar este site
 
 
Ronaldo Camboim
Iniciei o Caminho em Roncesvalles, dia 26/04, debaixo de chuva, que me acompanhou até Zubiri e de lá até Pamplona.

Completei o Caminho em 29 dias, no seguinte percurso Roncesvalles/Zubiri/Pamplona/Puente la Reina/Estella/ Los Arcos/ Logroño/Nájera/Santo Domingo de La Calzada/ Belorado/ San Juan de Ortega/ Burgos/ Hontanas/ Boadilla del Camino/ Carrión de Los Condes/ Terradilos Templários/ Bercianos/ Mansilla de Las Mulas/ León/ Villar de Mazzarife/ Astorga/ Rabanal del Camino/ Ponferrada/ Villafranca del Bierzo / Cebreiro/ Samos/ Ferreiros/ Palas de Rey/ Arzúa/ Monte del Gozo/ Santiago.

Destaco os Albergues (nem sempre pela infra, mas pelo ambiente, pelo astral também): Zubiri (a hospitaleira, Loli, é simpaticíssima), Estella, Nájera, Santo Domingo, San Juan (monastério,divino), Hontanas, Boadilla (a dona do Alberque é ótima), Bercianos (está sendo reformado), Mansilla (a Laura, hospitaleira, me fez rir a noite toda), Villar de Mazzarife (já bastante comentado na Lista), Rabanal (divino), Villafranca (o de Jato), Cebreiro (ah, o Cebreiro), Samos (monastério, com o José de hospitaleiro sempre alegre), Arzúa (bem novinho, recém reformado).

Os Albergues que não voltaria: Roncesvalles (quem me atendeu, juntamento com outros peregrinos que chegaram na mesma hora, parecia mais um sargento) Pamplona (no 3º piso, apertado, tumultuado), Terradillos (muita gente passou mal durante a noite).

Os problemas: 1) as bolhas que me perseguiram a partir do 3º dia até Santiago (foram oito), solenemente ignorando as botas Salomon, amaciadas por 3 meses de preparação, meias coolmax finas e as de algodão grossas. Precisei ir ao posto de saúde em Astorga, pois não estava mais conseguindo colocar o pé direito na bota.Fui muito bem atendido por uma enfermeira que já fez o Caminho, chamada Maria Luisa (um anjo); 2) gente demais no Caminho fazendo turismo (albergues sempre lotados; muita pressa para chegar logo e pegar um lugar e água quente) 3) o uso de muito óleo na alimentação.
 
Enviado por Ronaldo Camboim
 
Parte integrante do site Caminho de Santiago de Compostela - O Portal Peregrino
Copyright © Todos os direitos reservados
 


;