Relatos Peregrinos

Convide a um amigo a visitar este site
 
 
Lilian Faria
Fiz o caminho de santiago em final de julho de 99, sozinha, quero dizer, com Deus e foi a melhor coisa que eu fiz na minha vida ate hj.

Depois que cheguei do caminho percebi que se tornou mais frequente eu me sentir sozinha, e hj estava pensando sobre isso.

Eu moro sozinha já alguns anos e isso pra mim sempre foi um prazer. Antes eu pensava que era pq eu estava quase sempre rodeada de gente, e gente muito gentil no caminho, mas o dia que me lembro estar mais tranquila e muito feliz foi no dia em que segui sozinha.

Eu sai cedo de Itero de la Vega ainda estava escuro e eu mal via as flechas amarelas, mas la fui eu, eu e a minha lanterna. Fui ate Villalcazar de Sirga, uma cidade pequenina mas com um albergue muito acolhedor. Eu me senti em casa. Mas o bom mesmo foi a caminhada daquele dia.

No dia anterior eu resolvi me separar do grupo com o qual eu seguia, pq queria estar mais comigo mesma. Foi dificil me separar deles mas o poder de escolher o seu proprio caminho tem um sabor maravilhoso.Neste dia caminhei por uma paisagem indescritivel. Eram os campos. Estava tudo muito deserto e eu conseguia ver o infinito, longe longe. Nao havia nada melhor do que ver toda aquela imensidao e saber que em pouco tempo eu estaria chegando ao infinito... Esse foi o dia em que eu me senti completa e nao sentia falta de nada, nem de ninguem.

Talvez pq estivesse numa harmonia tal com o mundo que eu tinha o mundo em mim.

Era uma alegria enorme e uma confianca maior ainda. Confianca de que tudo no mundo so depende de mim e que querer eh poder. Confianca de que o tempo somos nos quem fazemos e podemos fazer muito bem feito.

O CS pra mim foi tudo isso, descoberta, prazer, escolha, realizacao, etc, etc, etc...
 
Enviado por Lilian Faria
 
Parte integrante do site Caminho de Santiago de Compostela - O Portal Peregrino
Copyright © Todos os direitos reservados
 


;