Relatos Peregrinos

Convide a um amigo a visitar este site
 
 
Ana Paula Peron
Meu Caminho a caminho de Deus
Dia 31/05 - San Juan de Ortega a Burgos

Acordei com os outros partindo, tentei me levantar, mas não pude! Não podia acreditar! Acordei com crise de Labirintite!

Voltei a dormir, pensei que poderia ser um pesadelo, mas não era, várias vezes tentei levantar, mas não conseguia, sentia muito enjôo e muita tontura, fiquei na cama até ver Leslie do meu lado, tentei explicar a ela, em inglês, o que se passava. Ela, então, chamou Patrícia e percebi que fizeram uma reunião no centro do quarto. Eu não podia me mexer.

Depois de alguns minutos vieram ao meu encontro e disseram que já estava tudo decidido e que eu não me preocupasse. Decidiram chamar um táxi e dividir as despesas comigo, visto que ali não havia nada além de um bar e eu podia precisar de um hospital. Eu tentei explicar que não precisaria de hospital, mas sim de descanso, outra crise como esta já tinha acontecido antes e eu sabia que só precisaria ficar deitada por um dia.

Não adiantava mais dizer nada, eles estavam decididos. Agradeci muito o carinho. Na verdade eu teria tomado esta decisão sozinha.

Minha cara devia estar péssima, pois eles pareciam muito preocupados. Em pouco tempo chegava o táxi. Táxi? Não acreditava que isto estava acontecendo comigo! Será que o universo queria me dizer algo? Um dia antes fora meu melhor dia! E eu falei justamente sobre isto enquanto andava com a Leslie. Eu estava confusa.

Achei que se acontecesse algo assim eu ficaria arrasada, mas não fiquei, entendi que não poderia fazer nada, que tinha que me entregar àquela situação e tirar o melhor dela. Até porque se eu ficasse muito nervosa, a crise pioraria. Fomos direto a Burgos Eu, Patrícia, Leslie e Wayne. Ele também estava mal, mas eu não sabia porque, era visível que ele estava muito abatido.

As meninas nos deixaram em uma praça e foram procurar um hostal para nós. Eu tinha tomado um medicamento contra o enjôo que me fez sentir muito sono, adormeci sobre a mochila e quando acordei vi que Wayne, que tinha ficado o tempo todo ao meu lado e segurava um guarda-chuva me protegendo do sol que estava muito forte, e que também tinha comprado uma garrafa de água fresquinha para quando eu acordasse.

Vi seu sorriso, logo perguntando , Hello ! Ana Paula...Are you fine??

Eu estava realmente emocionada com aquela manifestação de Deus no meu caminho. Um homem que eu mal conhecia, sentado numa praça, tomando conta de mim, segurando um guarda chuva para me proteger do sol ! E aquelas duas garotas, que eu também mal conhecia, andavam pela cidade procurando um lugar para eu ficar. Eu não sabia nem o que dizer para agradecer tamanha benção.

Leslie Patrícia e Wayne são Australianos e nos conhecemos no caminho. Wayne me deu uma grande lição me mostrando que nós escolhemos nosso caminho. Ele tinha câncer no fígado e escolheu fazer o caminho mesmo sabendo o que isto significaria.


.....
Alguns meses depois de retornar do Caminho, Ana recebeu a notícia da morte de Wayne.
 
Enviado por Ana Paula Peron
 
Parte integrante do site Caminho de Santiago de Compostela - O Portal Peregrino
Copyright © Todos os direitos reservados
 


;