Albergue de Peregrinos
Notícias, novidades, artigos, relatos, diretamente da Espanha

Convide a um amigo a visitar este site
 
 
Caminho e motivos de ida e volta
Acácio da Paz

>> Ainda que o caminho PORTUGUÊS a Santiago seja um dos vínculos que une a zona Norte de Portugal com o Sul Galego, há de conceber com suas ramificações como anexos imprescindíveis para o desfrute de esta euro-regiáo.

Desde Porto a Santiago de Compostela o caminho salpica ao peregrino com as tradições mais representativas das terras que cruzam. Das quatro pontes que facilitam o passo pelo rio Minho, desde a província de Pontevedra (divisora e anexa ao mesmo tempo) estão em Monção, Melgaço, Valença e Vilanova de Cerveira.

Valença tem seu alto ego em Tuí ao mesmo tempo em que Monção, situado no eixo de Braga e ponte da Barca, vêem-se tão pertinho de Salvaterrado Minho, como Melgaço de Arbo.

Quem desanda no Caminho Português e queira ir mais alem das paragens estritamente minhotos, tem diversas alternativas de parada como os hitos que supões no trajeto as vilas de Barcelos, Esposende e Terras de Bouro no Vale Cádavo, lugares imperdíveis de serem visitados.

Seguindo o caminho buscando o Norte, o vale do Lima alberga as povoações de Arcos de Valdevez, Ponte da Barca, Ponte de Lima (que conta com uma restauração digna de mencionar e visitar) o Viana do Castelo. Em plena fronteira com Galícia, além do Minho, se encontram Caminha, Melgaço, Monção, Paredes de Coura, Valença e Vila Nova de Cerveira.

A Rota da artesania é uma das atividades que nos oferece todo este território com a que poderem desfrutar, ademais de suas tradições culturais e gastronômicas, de sua cerâmica, têxtil e cesteria.
 

Enviado por Acácio da Paz
 
Parte integrante do site Caminho de Santiago de Compostela - O Portal Peregrino
Copyright  1996-2003