Albergue de Peregrinos
Notícias, novidades, artigos, relatos, diretamente da Espanha

Convide a um amigo a visitar este site
 
 
Maciel - Relato (cont.1)
Antônio Maciel

05.10.2004

Saimos de Belorado as 08:30 da manha com destino a Sann Juan de Ortega. Nao estava frio, como sempre meus cotos estavam muito inchados.

Já temos 02:04 hs de caminhada. Ja consigo caminhar melhor. Meus cotos vao afinando a medida que caminho. Minhas proteses desalinharam eu vou alinha-las na proxima cafeteria que encontrarmos.

Chegamos a Espinosa del Camino, vou tomar um cafe cortado e comprar um bocadillo para ser o almoço no caminho.

As 15:30 paramos junto a uma linda plantaçao de de pinheiros na altura de Vila Franca Montes da Oca. Estamos junto ao seu tronco deliciando um bocadillo de ramon acompanhado de um saboroso vinho em compania da senhorita Heyley e o grande amigo de caminhada Arledio. Arledio trouxe o vinho e sua caneca amarela.

Estamos a caminho de San Juan. Acredito que seja mais ou menos duas horas de caminhada. Meus cotocos estao mais aliviados.

Cheguei a San Juan as 16:15hs. O albergue nao era um dos melhores e a ducha era gélida. Nao é muita novidade para quem está acostumado a situaçoes difíceis.

06.10.2004

Saimos de San Juan de Ortega as 07:50 da manha com destino a Burgos. apesar do frio o tempo esta maravilhoso. Atravessamos um lugarejo chamado Ages.

Cortamos varias cidades.

Chegamos a Burgos uma cidade grande diferente de todas que passamos.

Ficamos na cidade proucurando albergue. Por ser uma cidade maior era mais dificil se localizar.

Os abergue no centro da cidade estavam lotados.

Arlédio resolveu ficar em hostal.

Encontrei um senhora chamada Maria Angelica. Seguimos juntos para a saida da cidade com destino ao albergue de Burgos "El Parral".

Chegamos ao albergue e nos acomodamos. Fiquei contente pois foi o primeiro albergue que encontrei que tinha banheiro adaptado para o portador de limitaçao (defiente físico).

Fomos comer no restaurante da Universidade de Burgos.

07.10.2004

Saimos de Burgos a 08:30hs com ameaço de lluvia (chuva).

Maria Angelica é uma senhora Argentina que está fazendo o caminho puxando um carrinho de malas. Uma simpatia de pessoa.

Esta parte do camino nao foi tao dificíl.

Chegamos a Onilos del Camino as 15:20hs. Acidade e bem peguena. Assisti a missa da 19 hs.

Aqui rencontrei dois amigos do camino Piter ( Alemao) e Isabela (Francesa).

"NAO HÁ UM DIA COMO O OUTRO. PARECE UMA PEÇA TEATRAL. ONDE SE MUDA APENAS O CENARIO.

E PROTAGONISTA CONTINUA SENDO O PEREGRINO."

Antonio Maciel - 07.10 22:44

08.10.2004

Sai de Hornillos del Camino com destino a Castrojeriz. O tempo estava bom e mais escuro.

Estou a andanddo a 2 hs. Começou a ventar e esfriar.

Pegamos chuva vento na altura de Itero de la Vega.Chegei a castrojeris a 17 hs. Lá passei no bar cafeteria " Embaixada do Brasil" LA TABERNA.

Fui bem recebido por Antoni e sua esposa. Antonio e´proprietario do bar.

Fui parao albergue municipal onde o hospitaleiro é o Argentino Santiago.

Este me tratara muito bem.

09.10.04

Sai com destino a Boadilla del Camino as 08:00. Peguei de cara subida ( Atos de los Mostalares ) de uns 3 km, subida muito ingrime.

Foi lindo ver o sol nascer do pico da montanha.

Na altura de Itero de la Vega pegamos chuva, vento e muito frio. Neste momento caminhava em compania de Maria ( a mexicana), Claudio ( o frances) e Josi ( a brasilera).

Chegamos a Boadilla del Camino as 18:00 fomos recebidos pelo hospitaleiros DUDU ( o matador), figura esta que já conhecia de fama. Lá conheci seus pais onde fui bem tratado.Mais uma vez me sentia em casa.

Tirei fotos com sua mae que é uma artista plastica. Suas telas sao muito belas.

10.10.2004

Saimos de Boadilla del Camino as 9:00hs. Este é o segundo dia que saimos mais tarde para o caminho.

O tempo estava fechado e ventava muito.

Apos uma hor a de caminhada, tive que me equipar. Começara a chover.

Andei umas 3 horas ao lado do Canal de Castilla. O vento era em torno de uns 30 nós. Era tao forte que quase arremeçava-me dentro do canal.

Neste momento caminhava só com destino a carrrion de los conde.

Parei em vários pueblos para tomar cafè solo. Estava muito frio.

Cheguei a carrion as 18:00 embaixo de forte chuva.

Fui direto para o albergue paroquial onde liguei para Acacio que estava em Calzadilla de la Cueza.

Acacio me pegou em Carrion com destino a Calzadilla. Pernoitarei aqui.

Mas uma vez estou em casa. Conheci Orietta que também me acolheu com grande carinho.

Enviado por Antônio Maciel
 
Parte integrante do site Caminho de Santiago de Compostela - O Portal Peregrino
Copyright  1996-2003